Dormir mais de 8 horas é prejudicial


Dormir mais de oito horas diárias pode ser mais prejudicial à saúde do que dormir pouco.
As pessoas que dormem mais do que oito horas e menos do que seis apresentam maior risco de desenvolver problemas como pressão alta, diabetes e complicações cardiovasculares.

Houve cerca de 34 pesquisas - estudos epidemiológicos, que envolveram mais de dois milhões de pessoas, apresentam existe uma relação entre a duração do sono e mortalidade.

Quando dormimos menos do que sete horas ou mais do que sete, há um aumento gradual no risco de mortalidade, com as pessoas que dormem mais a apresentarem um aumento maior no risco de morte do que as pessoas que dormem menos que esse tempo.

Gregg Jacobs, especialista do Centro de Transtornos do Sono da Faculdade de Medicina da Universidade de Massachusetts, nos Estados Unidos, descreve que de acordo com vários estudos publicados durante os últimos anos, verificou inequivocamente que dormir oito horas não é o melhor para se manter saudável.

Refere que o nível mais baixo de mortalidade corresponde a sete horas de sono, sendo prejudicial dormir mais do que esse número de horas.

Se dorme mais do que oito horas ou menos do que seis, terá um grande aumento do que estimamos ser o risco de desenvolver problemas de saúde ou morrer mais cedo. Afirma o professor de medicina cardiovascular e epidemiologia na Universidade de Warwick, no Reino Unido - Frank Cappuccio.


* Notícia publicada pela BBC Brasil, com base em estudos científicos

Sem comentários:

Publicar um comentário