quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

O que é o stress - como eliminá-lo?



Uma expressão muito utilizada nos dias de hoje, sendo uma das doenças mais graves na sociedade em que vivemos. Mas é importante referir que o stress é uma das funções vitais do organismo.

O stress é uma indicação de alarme do nosso organismo perante o perigo, no qual as glândulas supra-renais aumentam a produção de adrenalina que provoca a contração dos músculos e reduz os tempos de reação, essencial para a sobrevivência.

Quando os acontecimentos que geram stress permanecem, a pessoa sente mal-estar e cansaço físico que afectam a sua saúde. Os sintomas de stress são muitos e diversificados e no começo podem parecer benignos, mas se não forem diagnosticados e tratados, prejudicam gravemente a saúde.

Como perceber se sofre de stress?

É essencial perceber os sinais característicos do stress, em si próprio e no ambiente em que vive.

Cansaço – Sensação de ao acordar, de sentir que não descansou o suficiente. Este sintoma não deve ser negligenciado.

Relações interpessoais difíceis A pessoa sente pouca tolerância no contacto com as outras pessoas, evita fazer novas amizades, mas sente-se isolada. No local de trabalho e em família os seus relacionamentos deterioram-se.

Desânimo  A pessoa sente dificuldade em enfrentas as vicissitudes do dia-a-dia, não consegue resolver os problemas que enfrenta e não consegue sair da situação em que se encontra. Sente desanimada ao mínimo obstáculo, tendo comportamentos que não eram habituais. Não tem iniciativa e tenta evitar situações frustrantes, como tal, esquiva-se de tudo o que a possa conduzir a um fracasso e isola-se cada vez mais, acentuando gradualmente os sintomas de depressão.

Causas do stress:

*A pessoa sente uma sensação de impotência perante determinadas adversidades, tais como:
Conflitos interpessoais permanentes, com os colegas e com a família;

*Acumulação de tarefas laborais, quantidade de trabalho maior que o normal, sentindo que não consegue realizar todas as tarefas que tem para executar.

Sintomas e consequências:

Insónia; dores de cabeça frequentes; predisposição a constipações; problemas gástricos e de coração; ansiedade e estados depressivos; maior transpiração; impotência sexual; asma.


3 Formas de resolver o stress

1.Consciencialização – Estar atenta aos sinais de alarme que o organismo lhe transmite. Para evitar os sintomas de stress é essencial compreender o que está a acontecer com a pessoa e á sua volta. Esta tomada de consciência faculta a análise da situação em que a pessoa se encontra, por forma a conseguir modificá-la.

2.Analisar a situação – Perceber quais os acontecimentos recentes que contribuíram para sentir stress para que sejam superados.

3.Compensação – Avaliar o estilo de vida da pessoa para modificar os hábitos que estão a ser causar stress.

É importante realizar um diagnóstico - o mais precoce possível, porque o aumento do nível de stress é gradual e, sem tratamento adequado a pessoa vai-se sentindo cada vez pior, principalmente se sentir que no dia-a-dia não consegue ultrapassar a situação em que se encontra.

Ao analisar, quais foram os acontecimentos que contribuíram para sentir stress, é a primeira etapa, para que os mesmos sejam superados. 

É necessário que a pessoa procure acompanhamento psicológico quando apresenta alguns destes sintomas físicos durante 3 meses. As situações de stress não devem ser descuradas, porque se não for eliminado pode pode dar origem a depressões graves.



Burnout é um conjunto de sintomas que estão relacionados com o excesso de trabalho.

Sintomas frequentes:
Problemas digestivos; dores de cabeça; insónias; tristeza; desmotivação laboral e depressão.

Como prevenir - Burnout?

*Passe mais tempo com as pessoas efectivamente significativas;

*Fale dos seus problemas a alguém da sua confiança;

*Inscreva-se em actividades que goste;

*Hábitos de alimentação saudáveis;

*Faça exercício físico com regularidade, incluindo alguns de relaxamento;

*Estabeleça prioridades na organização de tarefas para não criar expectativas irrealistas;Chegar ao estado de Burnout é sentir tensão emocional e stress profissional crónicos.